Farmacêuticos catarinenses receberão a Láurea “João Florentino de Meira Vasconcellos”


Serão homenageados 12 profissionais farmacêuticos de Santa Catarina, entre eles a presidente do CRF-SC Karen Denez, a vice-presidente, Hortência Tierling e o Conselheiro Federal, Paulo Boff
.

A outorga da  “Láurea João Florentino Meira de Vasconcellos de Inovação Farmacêutica”aos profissionais que reconhecidamente tenham se destacado em atividades de prestação de serviços, produção científica, disseminação do conhecimento e empreendedorismo em ciências farmacêuticas no Estado de Santa Cataria, será realizada às 10h30 , durante a Oficina Inovação Farmacêutica & Propriedade Intelectual, que acontece no dia 15 de maio de 2018, das 08h30 às 17h00 no Auditório da Pós-Graduação em Farmácia do Centro de Ciências da Saúde – CCS da UFSC, em Florianópolis.

Serão homenageados os ilustres Srs. (as): Adolfo Moacir Cabral Filho; Araken Alves De Lima ; Betina Giehl Zanetti Ramos; Hortência Salett Muller Tierling; João Calixto; Karen Berenice Denez; Lea Regina Conrado Costa Lima; Ney Osvaldo Silva Filho; Norberto Rech; Paulo Roberto Boff; Solange Lucia Blatt e Tatiana Barichello.

Sobre a Oficina: Evento em parceria com o Conselho Federal de Farmácia, Conselho Regional de Farmácia de Santa Catarina e Instituições locais, com 6 horas de duração tem objetivo aproximar profissionais regionais e disseminar conhecimentos sobre as mais diversas oportunidades para inovação no segmento farmacêutico, dentro de um contexto histórico e com vistas ao futuro. Também como objetivo disseminar conhecimentos sobre propriedade intelectual, especialmente sobre o uso de patentes e informações tecnológicas em projetos de pesquisa, desenvolvimento e inovação, assim como temas essenciais para a efetiva tradução de ciência em desenvolvimento tecnológico, econômicos e sociais.

Sobre a Láurea: João Florentino Meira de Vasconcellos nasceu em 1865, na cidade do Pilar, na então província Paraíba do Norte. Diplomou-se em Farmácia em 1886 pela Faculdade de Medicina do Rio de Janeiro. Estabeleceu-se na cidade de Campinas, São Paulo, com a “Farmácia Meira”, a qual foi transferida posteriormente para a cidade de São Paulo, onde começou a exercer também atividades políticas, seguindo os passos de seu pai. Em 1896 fundou a “Sociedade Farmacêutica”, a qual presidiu com brilhantismo. Essa Sociedade foi a semente da “Escola Livre de Farmácia”, fundada em 12 de outubro de 1898, que deu origem à Faculdade de Farmácia e Odontologia da Universidade de São Paulo, embrião da atual Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP. Na “Escola Livre de Farmácia” foi Professor Catedrático de “Farmácia: Teoria e Prática”. Foi pesquisador e publicou o livro “Elementos de Farmácia”. Outro fato digno de nota, entre tantas realizações do Prof. Meira de Vasconcellos, foi sua participação ativa na organização e promoção da “Farmacopéia Paulista”, oficializada em 31 de maio de 1917, trabalhando incansavelmente pela sua adoção no Estado de São Paulo.

Skip to content