Inscrição de Posto de Coleta de Laboratório de Análises Clínicas Privado

Importante: Antes de apresentar a documentação para registro do posto de coleta no CRF-SC, é necessário o fornecimento das seguintes informações ao endereço de e-mail empresas@crfsc.gov.br, para a geração e envio da taxa do serviço: Razão social do laboratório, nº do CNPJ do posto (caso não tenha, fornecer o da matriz) e endereço completo do posto de coleta (inclusive o CEP).
Após a realização do procedimento acima, tendo sido recebida a taxa e efetuado o devido pagamento, a documentação listada abaixo deve ser entregue ao CRF-SC. O interessado poderá protocolar diretamente no CRF-SC ou optar pelo envio via correio para o endereço que consta no rodapé deste site.
Informamos, ainda, que, por determinação do Banco Central, o interessado deverá aguardar 48 horas a partir da emissão da taxa para realizar o pagamento. O CRF-SC não aceita pagamento na sede ou em suas seccionais, devendo ser efetuado em agência bancária, caixa eletrônico, casa lotérica ou internet banking (sistema on-line). O CRF-SC também não aceita agendamento de pagamento da taxa.

1) Requerimento Padrão modelo 42;

2) Contrato social da empresa matriz com cláusula de indicação ou criação do referido posto. Não havendo indicação ou criação do posto de coleta no contrato social, apresentar declaração de vínculo do posto de coleta com o laboratório matriz conforme o modelo 33, com firmas reconhecidas;

4) Declaração de horário de funcionamento do posto conforme modelo 32, com firmas reconhecidas;

5) Comprovante de vínculo do farmacêutico com o laboratório. Poderá ser apresentado APENAS UM dos itens abaixo:

a) Cópia do registro de contratação em carteira profissional de trabalho (CTPS) do farmacêutico (ser for contratado);
b) Cópia do contrato social do laboratório (ser for sócio);

6) Comprovante de pagamento da taxa do serviço solicitado.

7) Comprovante de pagamento da contribuição sindical do ano corrente do profissional farmacêutico (clique para esclarecimento). (Cópia de contracheque ou cópia do boleto do Sindfar).

Atenção: a responsabilidade técnica e o exercício profissional de farmacêuticos-bioquímicos e farmacêuticos generalistas em laboratórios de análises clínicas e postos de coleta estão definidos na Deliberação CRF-SC nº 711/2007.